Como se preparar para a Black Friday em 2021? [GUIA]

Se você compra, ou vende por meio da internet, é possível que já conheça de perto o impacto que a Black Friday tem no mercado. Antecipado por meses por consumidores e lojistas, este é um dos períodos de compras mais aquecidos de todo o ano. 

Mas, afinal, como se preparar para a Black Friday se você tem uma loja on-line?  O evento acontece toda última sexta-feira de novembro, com promoções relâmpago, que têm o intuito de fisgar a atenção – e o bolso – daqueles interessados em fazer as compras natalinas. 

No Brasil o evento é forte em lojas físicas, mas ainda mais significativo para o comércio on-line. A sua empresa está preparada para aumentar as vendas durante este período? Neste guia, explicaremos todos os detalhes por trás de uma estratégia de sucesso para a Black Friday. Boa leitura! 

Como se preparar para a Black Friday? Checklist para e-commerces

Este é um dos eventos mais antecipados do ano e, ainda que dure apenas algumas horas, a preparação pode levar o ano inteiro. Isso acontece porque garantir preços competitivos durante esta época é um feito complexo, que envolve os mais variados setores de uma empresa. 

Elementos como o estoque, a logística e o marketing, por exemplo, precisam estar funcionando perfeitamente para garantir que o número de vendas seja alto. 

Se você ainda tem dúvidas sobre como se preparar para a Black Friday, nós temos uma checklist importante para compartilhar. Veja agora quais são os principais pontos de atenção durante a preparação para esta importante data comercial: 

Estoque

É muito importante que você faça uma análise do seu estoque pelo menos 1 mês antes do evento. Assim terá controle dos produtos que estão fora de linha, produtos em liquidação, etc…

Com base nas informações do estoque, terá uma noção muito maior do que pode colocar nas promoções ou não. Você também deve fazer uma previsão de vendas para essa data.

Até mesmo quem já participou da Black Friday em outros anos sabe que não há nenhum cálculo capaz de te ajudar a fazer um levantamento exato. Porém, se estiver com uma boa campanha de marketing, uma coisa é certa: suas vendas vão pelo menos dobrar durante as promoções.

Não tem nada pior do que receber produtos com atraso ou até mesmo não recebê-los. Então se você está oferecendo descontos em determinado produto, precisa garantir que terá estoque suficiente e que as entregas serão feitas no prazo.

Se a experiência de compra for ruim nesse dia, além de perder uma venda você pode perder um cliente e ganhar uma má reputação. Eu tenho certeza de que você não quer isso!

Dica: Vale muito a pena garantir um grande estoque, talvez até maior do que o necessário. Mesmo que você não venda tudo, as promoções de Natal devem começar em breve e você poderá usar o que sobrou.

Infraestrutura

Se tem uma coisa que vai afetar seriamente as suas vendas durante a Black Friday, será o desempenho do site e sua disponibilidade. A maior parte da experiência de compra está ligada à velocidade do site.

Pense comigo, se você não gosta de acessar um site lento, o seu cliente também não vai gostar. E se o site ficar lento o suficiente para fazer as pessoas abandonarem a página sem comprar nada? Ruim para as vendas e para a reputação da loja.

Se você já participou de alguma Black Friday antes, já tem uma noção do que acontece com os acessos e sabe quanto de recurso a mais vai precisar.

Se for a sua primeira vez no evento, recomendo que dobre os recursos do servidor durante as promoções, é o mínimo a se fazer. É também muito importante que o site esteja hospedado em um servidor que suporte um grande volume de acessos.

Hospede seu site em uma plataforma segura, rápida e estável. Conheça os serviços de hospedagem da SAN Internet! 

Atendimento

O atendimento é uma parte extremamente importante do e-Commerce, não só durante o evento, mas sempre. Logicamente você terá de reforçar a equipe de atendimento no período de promoções para facilitar as vendas.

Em dias normais o FAQ do site pode até ajudar a resolver algumas dúvidas, mas na Black Friday as pessoas querem agilidade. Então é preciso estar preparado para responder ao grande volume de perguntas rapidamente.

Procure explorar todos os meios de comunicação com os clientes que puder, por exemplo: Chat, Telefone, Facebook, Whatsapp… Assim pode atender mais pessoas e garantir mais vendas durante as promoções.

Com vários canais de atendimento, você dá mais comodidade para os consumidores. Isso influencia muito na decisão de compra. Sem falar que será muito bom para o relacionamento com o público-alvo do seu negócio.

Se você executar bem a parte do atendimento online, vai notar um avanço na reputação da marca e o aquecimento das vendas nos períodos seguintes.

Descontos

O foco da Black Friday são os descontos bem agressivos, e é justamente por causa deles que o evento faz tanto sucesso no País. Mas você precisa praticar descontos verdadeiros porque os consumidores estão super ligados em promoções falsas.

Nos últimos 2 anos várias lojas diziam participar do evento com descontos irresistíveis, mas na verdade as “promoções” eram: tudo pela metade do triplo. Os consumidores notaram isso rapidamente e a reputação das lojas foi a ZERO de um dia para o outro.

Mesmo com promoções reais não estou dizendo para reduzir os valores de todo seu estoque, pode não ser uma boa ideia. Estude os produtos que têm menos saída e os coloque com descontos maiores para que não fiquem “mofando” no armazém.

É muito interessante você usar seu produto estrela no Black Friday também, mas não com um super desconto como 80%, isso pode prejudicar os lucros.

Como será o produto que as pessoas mais conhecem, você pode colocar de 30% à 40% de desconto que será ótimo. Com isso você mantém uma margem de lucro razoável e vai garantir um grande aumento nas vendas.

como se preparar para a black friday

Segurança

Você só compra online quando confia que a loja é verdadeira, não é mesmo? Faça com que o seu e-Commerce desperte credibilidade nas pessoas com algumas coisas simples.

A segurança também tem grande parcela na decisão de compra e as primeiras coisas que o consumidor olha são: Certificado SSL, Consulta de CNPJ, Reputação no ReclameAQUI.

O Certificado SSL garante que a sua conexão é segura e que nenhuma informação importante será roubada, além disso, apresenta o cadeado verde ao lado do URL. Já a reputação no Reclame Aqui vai dizer muito sobre a loja como atendimento, tempo de entrega e integridade dos produtos.

A consulta de CNPJ é apenas para garantir que o seu negócio foi registrado corretamente. Fique ciente de que informações como CNPJ, Razão Social e endereço devem estar presentes na página inicial do site, geralmente no rodapé.

Divulgação

Agora que a loja está totalmente preparada, chegou a hora de “botar a mão na massa” e começar as campanhas de marketing. Pois é a divulgação das promoções que vai alavancar as vendas.

Procure começar 30 dias antes do evento, assim você consegue criar campanhas com maior alcance e menor custo. Considere que os consumidores estão bem engajados com a Black Friday e compartilham as promoções que chegam até eles.

Fora o compartilhamento, você ainda dá tempo para as pessoas se prepararem financeiramente para o evento. Esse conforto estimula aqueles atingidos pela campanha a comprarem mais.

Onde divulgar?

Muito provavelmente essa seja a primeira pergunta que você faz ao pensar na divulgação para a Black Friday. Bom, nesse caso você deve explorar todos os meios possíveis para atingir seu público.

Caso tenha uma lista de e-mails, fale com as pessoas que já são seus clientes e informe sobre as promoções. Afinal de contas, esses consumidores já estão fidelizados e são muito mais propensos a comprar.

As redes sociais são ótimas aliadas nessa data e você consegue atingir pessoas semelhantes ao seu público-alvo. A rede social vai variar de acordo com o tipo de produto que você trabalha, mas você já deve estar ciente disso.

Divulgue também no seu próprio site, pode ser um banner na página inicial ou algum elemento que flutue na página junto com a navegação. Existem aqueles clientes que preferem não receber as suas newsletters mas ainda assim são fidelizados.

Uma dica muito legal é trabalhar com um layout promocional no site para caracterizar a data. Isso facilita muito a compreensão de que a Black Friday está chegando.

Como usar o Instagram estrategicamente para Black Friday?

O Instagram é uma verdadeira potência quando o assunto é Black Friday. De acordo com um relatório de 2021 da We Are Social, em parceria com a Hootsuite, mostra que a rede é a 4º mais popular do Brasil, com 110 milhões de usuários ativos. 

Desde 2012, quando foi comprado pela holding do Facebook, o Instagram passou por diversas mudanças e melhorias, com a criação de recursos diferenciados, perfeitos para empresas que desejam engajar seus seguidores e atrair novos públicos. 

Alguns dos formatos mais populares são os Stories – com suas enquetes, perguntas e recursos de interação – os Reels, o IGTV, além dos filtros e muitos outros recursos.  A seguir, temos algumas ideias de como você pode usar essa poderosa rede ao seu favor…

black-friday

Hashtags

Você pode, ou melhor, você deve utilizar hashtags no Instagram de uma forma inteligente.  Quando falamos inteligente não significa o máximo de vezes possível, e sim de uma forma que traga os usuários certos.

Esse passo é simples. Trata-se de entender quais hashtags funcionarão para o seu público e utilizá-las como agregadoras.

Vamos supor que você venda móveis sob medida. Normalmente o público que procura esse tipo de produto gosta de #arquitetura #urbanismo e até mesmo #arte.

Para descobrir as hashtags importantes para seu público, utilize ferramentas de busca de hashtags e veja quais são as mais populares.

Entender como e quais hashtags funcionam é a diferença entre um bom post do Instagram e um post com tantas hashtags sem sentido que parece um campeonato de jogo da velha!

Biografia

A bio é uma das primeiras coisas vistas no seu perfil do Instagram, então você precisará usar esse espaço estrategicamente. Além de otimizar a bio, inclua seu melhor link ali e ajude os usuários da rede a chegarem na sua loja virtual.

Colocando um link na sua bio você faz com que o seu usuário esteja com o dedo (literalmente) a milímetros (!!) de ir para seu e-commerce e efetuar uma compra.

Como o Instagram permite apenas um link na Bio (de forma nativa), considere a criação de uma Landing Page especial com suas promoções da Black Friday e use esse link.

Você também poderá usar ferramentas como o linktr.ee para criar uma página com links para diferentes páginas de produtos.

Engajamento

O aumento de vendas não é a única coisa que a sua empresa tem a ganhar durante a Black Friday. O engajamento nas redes sociais e demais canais de comunicação também é um precioso recurso desta data comemorativa. 

Esse é o período perfeito para fazer publicações de alto desempenho, fazendo a sua mensagem chegar a parcelas do público que ainda não conhecem a sua solução, crescendo a sua base de seguidores. 

Potencialmente, isso pode se refletir nas vendas em outras épocas do ano, aumentando o número geral de consumidores e clientes em potencial. 

Lembre-se: o alcance orgânico é a chave para ganhar mais visibilidade na Black Friday! Por isso, invista em uma comunicação dinâmica, com um tom alinhado ao seu público-alvo. Foque em oferecer valor em suas comunicações. 

Utilize os Stories

Os Stories, aqueles vídeos efêmeros, que ficam no ar apenas por 24 horas, também são ferramentas de engajamento incríveis. Eles foram lançados em agosto de 2016 e, desde então, já ganharam os corações dos usuários do Instagram. 

De acordo com dados divulgados pelo Facebook, os Stories têm mais de 400 milhões de usuários ativos, sendo a plataforma preferida de mais de 2  milhões de anunciantes ao redor do mundo. 

Esse é um formato dinâmico e interativo, com recursos diferentes dos encontrados no feed. Por exemplo, nos Stories, você pode fazer enquetes, votações, acrescentar músicas aos seus conteúdos e colocar o link direto para os produtos de seu catálogo.

Para utilizá-las em seu potencial máximo, a criatividade é o limite. Crie chamadas inteligentes e que passem a informação que deseja de uma forma rápida. 

Vídeos são uma ótima opção para chamar a atenção do seu usuário e fazer com que ele clique para saber mais sobre a sua marca. 

como se preparar para black friday

Contagem regressiva

Uma das maiores características da Black Friday é a antecipação, e você pode usar isso ao favor da sua empresa! Utilize a função de contagem regressiva dos Stories para anunciar ofertas imperdíveis e deixe-os na expectativa de uma grande promoção. 

As boas práticas do mercado indicam que você deve começar a comunicar as suas vendas de 30 a 45 dias antes da data final. O aviso prévio é essencial para preparar os seus consumidores e avisá-los de que boas ofertas estarão disponíveis durante a Black Friday. 

Deixe a contagem regressiva para alguns dias antes da última sexta-feira, utilizando o feed e os Stories para criar uma comunicação coesa e atrativa. 

Como se preparar para a Black Friday: dicas com chat

É seguro dizer que, durante a Black Friday o tráfego em seu site aumentará significativamente, o que é uma boa notícia; mas pode ser uma fonte de problemas se não houver uma preparação adequada. 

Então, como se preparar para a Black Friday e atender os clientes com eficiência? Os chats são uma boa ferramenta neste momento. 

O atendimento é, afinal, um dos principais pontos de contato do seu cliente com o site. Ele pode ser decisivo para a decisão de compra e para a construção de um relacionamento de longo prazo com seus clientes. 

O chat on-line no seu site pode ser útil de diversas formas, como parar tirar dúvidas dos visitantes, enviar propostas e até promover a satisfação do cliente. 

As vantagens são inúmeras! Com o chat você consegue fazer um atendimento humanizado, ter mais agilidade, mensurar os resultados e, além de tudo, é muito mais prático para o consumidor. 

Nos tópicos a seguir, preparamos algumas dicas essenciais de como usar o chat do seu site ao favor da sua empresa durante a Black Friday. O primeiro passo é ter uma ferramenta chat operante, existem milhares disponíveis no mercado, como Jivochat, tawk.to ou Zendesk.

Confira as 5 dicas de como se preparar para a Black Friday com o chat:

Utilize o Callback

O Callback serve para que visitantes solicitem uma ligação, o que agiliza o processo de negociação e permite que a sua equipe foque em pessoas com maior probabilidade de comprar. 

Quando uma ligação chega, o aplicativo do chat abre automaticamente e notifica o atendente, que pode visualizar todas as informações do cliente que está ligando.

Se você tem a função de Callback, é importante que você a utilize a seu favor. Com ela, seus visitantes podem utilizar o chat em tempo real ou fazer uma ligação, tudo de forma rápida e fácil.

Use chatbot

Os chatbots são sistemas de automação que permitem o engajamento com clientes, sem que um atendente humano precise despender tempo e atenção exclusiva. Este é um recurso muito útil para tirar dúvidas em páginas de produto. 

Essa também é uma alternativa para manter um atendimento humanizado, sem despender recursos humanos, principalmente em clientes que ainda estão no topo do funil de vendas. 

Os chatbots são sistemas que funcionam em aplicativos de mensagens, de maneira automatizada. O chatbot permite ter uma melhoria na experiência de compra, agilidade e demonstração do produto. 

black-friday

Utilize integrações/API

O tempo de conversão da Black Friday é relativamente curto. O que quer dizer que todas as suas integrações precisam estar em dia de antemão, para que tudo funcione sem problemas durante o pico de vendas. 

Algumas das integrações mais importantes são a de e-mail marketing, Analytics e plataformas de automação. Elas permitem que você possa fazer campanhas melhor integradas, tendo total liberdade para explorar diferentes canais e mensurar todos os resultados. 

Otimize chat para celular

O mobile também é um canal de conversões decisivo para o sucesso da sua Black Friday. De acordo com relatório publicado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o ano de 2020 fechou com 234 milhões de acessos móveis à internet, um número 3,26% do que o registrado em 2019. 

Por isso, é importante que o chat esteja otimizado para os dispositivos móveis. O design precisa ser agradável independente do tamanho da tela do usuário, não ter erros, como botões quebrados ou elementos fora da tela.

Vale lembrar que a otimização para celulares e outros dispositivos móveis é um critério de ranqueamento para busca orgânica, um dos fatores mais importantes quando falamos sobre vendas na Black Friday. 

Indique conteúdos do seu blog que podem ajudar o cliente

Os conteúdos de blog também são uma ótima opção para educar seus visitantes e clientes em potencial. Crie conteúdos com as principais dúvidas, explicando o uso de seus produtos e tópicos relacionados com o seu mercado, por exemplo, isso ajudará bastante no atendimento. 

Os blogs são personagens importantes em estratégias de Marketing de Conteúdo e também podem contribuir para o posicionamento orgânico do seu site na página de resultados de pesquisa. 

Também é importante destacar que estes conteúdos, nem sempre, precisam ter o cunho transacional. Para fazer uma boa postagem de blog, foque em resolver um problema que seu cliente pode ter em relação ao seu produto ou serviço. Tire dúvidas e escreva de maneira amigável. 

O blog precisa estar atrelado a uma estratégia maior de SEO, com planejamento de palavras-chave e temas relevantes. Também vale lembrar que eles são parte de uma estratégia a longo prazo, por isso, as postagens devem ser elaboradas com antecedência.

Ideias de ações para aumentar as vendas na Black Friday

A preparação para a Black Friday é um processo que não fica confinado apenas ao mês de novembro. E-commerces, sobretudo, precisam planejar as suas ações com bastante antecedência se querem fazer um lucro significativo durante o período. 

Durante 2020, o faturamento total ficou em torno de R$ 4,02 bilhões, um número 15,5% maior do que o registrado no ano anterior, 2019. Isso sem nem considerar as transações que ocorrem fora da sexta-feira! 

Estimativas mais recentes mostram que, somando o faturamento dos dias que antecedem e sucedem a sexta-feira, o faturamento de e-commerces chegou a R$ 6 bilhões. Por isso, as expectativas para o evento são sempre altas.

black friday brasil

Quer saber como se preparar para a Black Friday na prática? Nós temos algumas dicas que podem ajudar: 

1. Landing Pages exclusivas para a Black Friday

Fazer Landing Pages específicas para a Black Friday pode ser uma boa ideia, principalmente se você deseja facilitar o acesso do seu cliente aos produtos em promoção. 

Essas páginas, também conhecidas como Páginas de Venda, têm como foco facilitar a tomada de decisão e tornar a experiência do cliente mais fluida. 

Nesta página, você pode usar e abusar dos gatilhos mentais para incentivar a compra, mostrando avisos de estoque limitado, por exemplo, ou oferecendo cupons de desconto exclusivos. As Landing Pages também podem ser aliadas das campanhas de e-mail marketing. 

2. Mude a identidade visual do seu site e redes sociais

Fazer um impacto é importante, principalmente durante a Black Friday. Por isso, mudar a foto de capa de suas redes sociais e ativar banners diferenciados em seu site pode ser uma maneira eficiente de comunicar a participação da sua empresa na data comercial.  

3. Faça descontos reais

Por muito tempo, a Black Friday brasileira ficou com uma má fama, graças a empresas que aumentavam os seus preços alguns meses antes, apenas para vendê-los nos valores normais durante o período de descontos. 

Felizmente, os consumidores sabem muito bem a diferença entre empresas que adotam essas práticas, e aquelas que realmente querem oferecer descontos exclusivos. Por isso, é importante planejar-se para oferecer ofertas reais, realmente vantajosas para os clientes. 

Hoje, existem sites que fazem o monitoramento de preço durante todo o ano, ajudando consumidores a não caírem em golpes, nas chamadas “Black Fraude”. 

Se a sua empresa for pega adotando práticas não recomendadas durante este período, o impacto na sua imagem pode ser gigantesco, colocando por água abaixo todos os esforços de fidelização de clientes antigos. 

4. Invista no remarketing

De acordo com um estudo da Episerver, 92% dos consumidores que visitam o seu site pela primeira vez, não vão efetuar uma compra. 

Isso pode acontecer por diversos motivos, mas o principal deles é que leva tempo para que consumidores confiem em sua empresa o bastante para fazer um negócio. Um comportamento mais do que natural… 

Por isso, fazer campanhas de remarketing – isto é, focar em pessoas que já visitaram o seu site – é uma grande oportunidade para aumentar o número de conversões e diminuir os gastos com aquisição de novos clientes. 

As campanhas podem ser direcionadas a visitantes de produtos específicos, páginas de categorias ou do site como um todo. Apenas certifique-se de que a frequência de veiculação dos anúncios esteja em um número confortável, que não vá causar um cansaço em seus clientes. 

black friday brasil

Conclusão

Neste artigo, você aprender como se preparar para a Black Friday em um e-commerce e quais as estratégias mais importantes para conseguir bons números de vendas durante esta que é uma das principais datas comerciais do mundo. 

A cada ano, Black Friday cresce mais no Brasil e, por isso, sua empresa precisa estar preparada para receber o maior fluxo de clientes que buscam por ofertas nesta data.

Esperamos que este guia tenha te colocado mais perto de uma Black Friday de sucesso. Para continuar aprendendo sobre e-commerces e vendas na internet, continue acompanhando o blog da San Internet Brasil.

Deixe um comentário