Como fazer anúncio no Facebook? Veja 6 dicas essenciais

Se você – assim como mais de 2,85 bilhões de outras pessoas – usou o Facebook ultimamente, provavelmente percebeu o grande espaço que as empresas tomaram dentro da plataforma. 

Hoje, é impossível assistir a um vídeo, ou participar de um grupo, sem que um anúncio seja mostrado para você. 

E engana-se quem acha que isso é uma coisa ruim. 

De acordo com uma pesquisa da Pew Research Center,  63% dos usuários do Facebook afirmam que a rede serve como uma fonte de notícias e eventos importantes em sua rotina.

Se você já tentou anunciar no Facebook, mas não teve sucesso; ou se você ainda não deu os primeiros passos nessa poderosa ferramenta e quer tirar todo o seu potencial – este artigo é para você! 

Ao longo deste guia, falaremos sobre como fazer anúncio no Facebook em um passo a passo compreensível, além de dar dicas preciosas para fazer sua campanha se destacar. 

Vamos aprender mais sobre o assunto? 

Por que anunciar no Facebook/Instagram?

Simples… porque é lá onde o seu cliente está. 

Contando com bilhões de usuários ativos em sua plataforma, o Facebook tornou-se mais do que apenas uma plataforma para conectar-se com pessoas conhecidas e fazer novos amigos. 

Hoje, a plataforma é uma verdadeira vitrine, que conta com um sistema robusto e sofisticado de segmentação de audiência que ajuda a sua empresa a impactar possíveis clientes de maneira mais efetiva. 

Além da segmentação personalizada, o Facebook Ads também representa uma alternativa amigável para empresas que, ao contrário das grandes corporações, não têm grandes orçamentos disponíveis para campanhas. 

A plataforma dá o controle total sobre o orçamento, entregando resultados proporcionais à medida que o investimento aumenta. 

Também é por meio do Facebook Ads que a sua empresa pode veicular peças no Instagram, outra rede cheia de potencial para empresas dos mais variados segmentos. 

Mas, é claro, todo esse potencial pode ir por água abaixo se você não sabe como fazer anúncios no Facebook. É por isso que, no próximo tópico, explicaremos mais sobre o assunto. 

Leia também: Melhores plataformas de e-commerce: qual escolher? [GUIA]

Tipos de anúncios no Face Ads

Vamos ser honestos, é muito improvável que um cliente conheça a sua empresa em um dia e, no outro, esteja pronto para comprar.

Assim como na vida real, as decisões de compra na internet levam tempo, principalmente quando consideramos transações com ticket médio mais alto.  

O Facebook sabe muito bem disso e, por este motivo, divide os tipos de campanhas em três principais pilares: o reconhecimento, a consideração e a conversão. 

A seguir, explicaremos cada um deles e mostraremos quais os anúncios que se encaixam em cada categoria. 

Reconhecimento

O reconhecimento é a primeira fase de qualquer processo de compra. Talvez o seu cliente não conheça a sua marca, ou não saiba que ela tem um produto que ele precisa. 

É o papel dos anúncios de reconhecimento apresentar essa solução e deixar os clientes um pouco mais perto de uma conversão. Os anúncios de reconhecimento são: 

  • Reconhecimento de marca;
  • Alcance.

Ambos servem como um tipo de comunicação mais indireta, que não tem como fim a compra direta. Mais do que uma conversão, esses tipos de anúncios são feitos para atingir um grande número de pessoas e fazê-las conscientes do nome da sua marca e seus principais produtos. 

Consideração 

A consideração, enquanto isso, é uma fase intermediária do processo de compras. Nesse estágio, seus clientes já conhecem a sua solução, mas não necessariamente estão pensando em comprar de maneira imediata.

Alguns dos anúncios de consideração que podem ser feitos no Facebook Ads são: 

  • Tráfego para o site;
  • Envolvimento com a publicação;
  • Instalação de aplicativos;
  • Visualizações de vídeo;
  • Geração de cadastros;
  • Mensagens para a página. 

Todos estes são recursos ricos, que podem ajudar a sua empresa a tornar-se mais próxima de seus clientes e deixá-los mais perto do que nunca de fazer uma compra, de fato. 

Conversão

Os anúncios de conversão no Facebook Ads são os que, de fato, transformam meros seguidores em clientes. Eles são feitos para encurtar a distância entre os usuários do Facebook e o seu site, o lugar onde as compras acontecem na maioria dos casos.

Existem três principais modalidades de anúncios para campanhas de conversão. São elas: 

  • Conversões;
  • Vendas no catálogo;
  • Tráfego para o estabelecimento. 

Vale lembrar que, independentemente do estágio do seu cliente no funil de vendas, saber como fazer anúncios no Facebook é importante para ter bons resultados. Algumas das boas práticas relacionadas à veiculação de anúncios na plataforma são: 

  • Tenha imagens atrativas, que funcionem tanto para o desktop, quanto para o mobile; 
  • Faça textos objetivos, trabalhados com gatilhos mentais; 
  • Atente-se para a quantidade de texto em uma imagem; fotos com texto demais podem performar pior na plataforma. 

Configurando anúncios no Facebook Ads

O Gerenciador de Anúncios do Facebook é uma ferramenta poderosa e bem organizada, que facilita o fluxo de informações e ajuda empresas a colocarem os seus primeiros anúncios no ar, mesmo sem nenhuma experiência prévia.

Entenda agora a estrutura por trás dessa ferramenta e entenda como utilizá-la ao seu favor. 

1. Campanha

A campanha é onde tudo começa. Este é o nível mais abrangente dos anúncios e, nessa fase, podem ser determinados objetivos como resultado desejado. 

Por exemplo, digamos que a sua empresa tenha dois objetivos iniciais: aumentar as curtidas da página e levar mais tráfego para o site. Duas propostas bem diferentes, não é mesmo? 

Poderia ser difícil controlar todas as variáveis se anúncios para ambos os fins estivessem na mesma campanha. Por isso, o mais indicado é que você divida as suas campanhas de acordo com os seus objetivos. 

Vale lembrar que não há limites para o número de campanhas que uma única conta pode criar. Além disso, nem todas as campanhas precisam estar ativas ao mesmo tempo. Você pode desativá-las sempre que quiser, ou diminuir o seu orçamento quando precisar.

como fazer anúncio no facebook

2. Conjunto de Anúncios

Depois do nível de campanhas, o que vem logo a seguir é o nível de conjunto de anúncios. 

Neste momento, é hora de decidir questões mais importantes, como o objetivo de cada anúncio, sua segmentação de público, posicionamento dentro da plataforma, tempo de veiculação, dentre outras variáveis. 

Digamos, por exemplo, que dentro da sua campanha de aumento de tráfego para o site, você queira veicular um anúncio no Facebook, e outro no Instagram. 

Neste caso, você poderia criar um conjunto de anúncios para cada um desses objetivos, a fim de controlar melhor os resultados obtidos. 

3. Anúncios

Por fim, os anúncios. É nessa fase que você poderá configurar variáveis como as fotos, os vídeos e os textos utilizados. Dentro da plataforma do Facebook Ads, estes elementos são chamados de “criativos”.

Também é no anúncio que você trabalhará um elemento muito importante para o sucesso de suas campanhas: o CTA. Esta é uma chamada para a ação, ou seja, o texto que orientará o seu cliente sobre o que fazer.

Algumas das CTAs disponíveis no Facebook Ads são:

  • Saiba mais;
  • Comprar agora;
  • Fale conosco;
  • Reservar agora;
  • Assistir ao vídeo;
  • Cadastre-se;
  • Baixar.

7 dicas para anúncios com alta conversão no Facebook

Anunciar no Facebook pode parecer uma tarefa fácil – e realmente é. Mas isso não quer dizer que todos os anúncios veiculados vão automaticamente se converter em muita receita para sua empresa.

Não é tão fácil assim. 

Para ter campanhas de sucesso, seja no Facebook, ou em qualquer outra plataforma de anúncios, a sua empresa precisa de uma estratégia. Afinal, esta é uma ferramenta robusta, mas seu potencial completo só pode ser alcançado quando ela é pilotada corretamente.

Se você quer saber como fazer um anúncio no Facebook que realmente converta, temos algumas boas práticas para dividir com você. Confira agora: 

1. Instale o pixel do Facebook no seu site

O pixel é, nada mais, nada menos, do que uma espécie de rastreador de tráfego para o seu site. Eles conseguem determinar com precisão quando um cliente entra, ou sai do seu site por meio do Facebook. 

O abandono do site é inevitável. Como falamos anteriormente, é improvável que uma pessoa esteja disposta a comprar logo na primeira visita. Podem ser necessários muitos acessos ao seu site antes que um cliente sequer considere fazer negócio!

O papel do pixel do Facebook é, portanto, manter os clientes que já visitaram o seu site em uma lista segmentada. Isso te dá muito mais poder na hora de montar campanhas que atinjam as pessoas certas. Te diremos como fazer isso no próximo tópico…

Leia também: LGPD para pequenas empresas: guia para adequação.

como fazer anúncio no facebook

2. Faça campanhas de remarketing

Um dos mais ricos recursos que o pixel proporciona são as campanhas de remarketing. Essencialmente, elas nada mais são do que mostrar anúncios e comunicações para pessoas que já visitaram determinada página do seu site. 

Essa estratégia ajuda a solidificar a sua base de clientes e fortalecer laços, tornando a sua marca mais forte entre pessoas que podem estar interessadas em comprar. 

Uma pesquisa do Weebly mostra que 62% dos donos de pequenos negócios acreditam que seus anúncios no Facebook não atingem o público-alvo correto. 

Talvez isso aconteça porque, no lugar de investir em comunicar-se com pessoas que já estão propensas a comprar, empresas façam anúncios com pouca segmentação, voltados para o maior número de pessoas possível. Dentro do marketing digital, isso é um erro. 

3. Desenvolva criativos atraentes

Assim como no ambiente de compras físico, a jornada de compra dentro do ambiente virtual começa pelos olhos. Uma boa imagem ou um vídeo elegante já representam meio caminho andado quando o assunto é chamar a atenção de seus clientes. 

O Facebook Ads contém uma vasta variedade de criativos que incluem fotos, vídeos, imagens de catálogo, montagens e mais. Tudo isso pode – e deve! – ser usado a favor da sua empresa. 

4. Segmento campanhas com lookalike

Você sabe o que são os públicos lookalike? 

Digamos, por exemplo, que você já tenha uma base de clientes sólida e com segmentações bem definidas. Isso é muito bom! 

Mas, se você quer escalar as suas vendas mês a mês, não é bom o suficiente. 

O que o público lookalike faz é usar essas informações de público relevante e buscar pessoas que ainda não tenham tido contato com a sua marca, mas que sejam semelhantes aos parâmetros definidos. 

Dessa maneira, você pode crescer o seu público de maneira qualificada, sem precisar gastar dinheiro com a veiculação de anúncios para pessoas que, talvez, nem estejam interessadas em suas soluções. 

5. Garanta uma boa performance do seu site

Nós falamos bastante sobre a importância de rodar campanhas no Facebook Ads, mas é importante não esquecermos que existe um elemento crucial para o aumento das conversões: o seu site.

Ele precisa ser leve – ou seja, carregar rápido – e oferecer uma boa experiência de compra para aqueles que o visitam. 

Imagine ter todo o trabalho de veicular anúncios para públicos segmentados, fazê-los ficar interessados o bastante para visitar o site e perder-los exatamente no momento mais crucial da venda? Este é o pior cenário de todos para qualquer empresa.

Nós temos um artigo especial, sobre como deixar sites com layout responsivo sem complicações. Quer saber mais sobre o assunto? Clique para ler agora, ou salve para conferir depois. 

6. Realize testes A/B com os seus anúncios

Os testes A/B acontecem quando você veicula duas variáveis de um mesmo anúncio e analisa qual delas performou melhor. O ideal é testar variações na imagem ou no texto, por exemplo. 

Mas, lembre-se, um teste A/B realmente eficiente tem apenas uma variável de diferença, por isso, faça escolhas inteligentes sobre o que será alterado de um anúncio para o outro. 

Na plataforma do Facebook Ads você pode encontrar ferramentas nativas para fazer campanhas com teste A/B, analisar resultados e ter certeza de que todas as suas campanhas estão otimizadas ao máximo. 

como fazer anúncio no facebook

Conclusão

Como você pode perceber, saber como fazer anúncios no Facebook é um processo simples e eficiente, mas que requer uma boa dose de planejamento para que seja acompanhada de bons resultados. 

Neste artigo, nós explicamos o porquê de escolher o Facebook Ads para veicular anúncios na internet, mostramos quais os principais tipos de anúncios que a plataforma oferece – reconhecimento, consideração e conversão – e ainda dividimos algumas boas práticas que podem fazer toda a diferença nos resultados de vendas.

Esperamos que essas informações te ajudem a colocar a sua empresa cada vez mais perto de ter o Facebook Ads como um canal de vendas sustentável e lucrativo. Para conferir outros conteúdos sobre marketing para pequenas empresas, visite o blog da SAN Internet. 

Deixe um comentário